Aproveite o frete grátis

Botas Texanas em Cotriguaçu / Mato Grosso

Botas Texanas em Cotriguaçu / Mato Grosso

Buscando botas texanas femininas e masculinas em Cotriguaçu - Mato Grosso?

Acabou de encontrar! Aooo brutos e brutas de Cotriguaçu!



Nós da 7MBoots sabemos que Cotriguaçu - Mato Grosso  é repleta de gente bonita e alegre, eventos sertanejos, e por isso, gostaríamos de oferecer a vocês aquela dica de amigo do peito.

Vocês sabiam que um calçado confortável pode diminuir o estresse corporal, agregar bem-estar e até mesmo, melhorar o seu humor?

Pois é, ter comodidade nos pés faz toda a diferença. E quando todo o conforto se une com beleza, design e elegância indescritível?

Não é maravilhoso? Com as texanas da 7MBoots, isso é possível!

Quem já conhece nossos produtos sabe de toda a qualidade e durabilidade de cada um deles, e quem não conhece, precisa conhecer, afinal, só a 7MBoots oferece uma variedade incrível de botas texanas masculinas, femininas e infantis que agradam a todos os gostos e não decepcionam nos quesitos resistência e durabilidade.

No site da 7MBoots, você cowboy ou cowgirl, encontra botas texanas de bico quadrado, de bico redondo, além de modelos escamados, fabricados a partir de couro réplica de avestruz, com aplicações de bandeiras de países e muito mais!

Todos os nossos pares são fabricados em couro legítimo de maneira artesanal, para garantir a vocês a sensação de um calce perfeito, que proporciona flexibilidade única e bem-estar incomparável.

Corra já para o site e garanta a sua bota texana 7MBoots!

Nós garantimos uma entrega rápida e segura em Cotriguaçu, e em casos de trocas, não há motivos para preocupação, afinal, o nosso procedimento é bastante simples.

Escolha já a sua texana, e receba, na comodidade do seu lar, a sua mais nova companheira de aventuras.


Conheça um pouco mais sobre  Cotriguaçu Mato Grosso:

Gentílico: cotriguaçuenses

Histórico

HISTÓRICO DE COTRIGUAÇÚ

O atual território do Município de Cotriguaçú foi ocupado desde sempre, por nações indígenas, especialmente da língua tupi. Os rikbáktsa também habitaram esta região. Atualmente estão confinados em reservas indígenas especializadas destinada ao seu povo, nos municípios na própria Cotriguaçu. (reserva Indígena escondido). E nos municípios de Juara e Brasnorte.
Com suas formosas particularidades hidrográficas o Rio Juruena permitiu que o município de Cotriguaçú fosse movimentado por viajantes e aventureiros desde o século XVIII.
Em virtude das ocupação total das terras agricultáveis, famílias do oeste paranaense iniciaram o processo de ocupação com interesse voltado apara a agropecuária externa tornando hoje , uma região tomada por mini e pequenos produtores rurais, médios e grandes pecuaristas.
A Cooperativa Central Regional Iguaçu Ltda. (Cotriguaçú) , adquiriu um milhão de hectares no Noroeste Mato-grossense para ser uma opção aos pequenos produtores rurais principalmente para os filhos de associados das cooperativas a ela filiadas.
A colonização do projeto teve início em maio de 1984, com a vinda dos primeiros compradores que puderam perceber rapidamente que se tratava de uma região de terras férteis e com uma fauna riquíssima.
Em a 1986, teve início a construção da cidade de Cotriguaçú, cujo nome é uma homenagem a Central de Cooperativas Cotriguaçú, proprietário do Projeto de Colonização. Com um rápido crescimento da população com a chegada de várias famílias que movimentavam a agricultura, o comércio e a indústria , até dezembro deste mesmo ano, Cotriguaçú experimentou um progresso poucas vezes visto em projeto de colonização, causando problemas para a colonizadora, pois o lugarejo não dispunha de infra-estrutura mínima necessária. Em 1991 , apesar da situação econômica vivida levantou-se o movimento pela emancipação de Cotriguaçú, que veio envolver a população e recitar o ânimo ., pois todos percebiam um grande potencial local. A grande participação popular garantiu esta conquista e em 20 de dezembro de 1991 foi criado o município de Cotriguaçú , com sua instalação em primeiro de janeiro de 1993. A partir daí inicia-se uma nova fase de desenvolvimento. Cotriguaçú possui grande parte de seu território desocupado o que possibilitou a implantação de vários projetos de assentamento do INCRA, fato que atraiu um grande número de famílias oriundas de acampamentos existentes nos municípios de Itaquirai, Bonito, Amambai e outros de Mato Grosso do Sul e muitas famílias de Rondônia. Este grande número de famílias vindas em curto espaço de tempo aumentou significativamente a área ocupada do município criando novas comunidades com destaque para Nova Esperança e a Nova União e ainda um aumento da população urbana de Cotriguaçú e Ouro Verde dos Pioneiros, pois muitas famílias por não terem estradas para seus lotes, e por necessidade de recursos para a sobrevivência imediata ficaram na área urbana trabalhando temporariamente nas madereiras. Quinze anos após seu início, Ctriguaçú tem sua base econômica na indústria madereira que tem sido a responsável pela geração de emprego e renda local. Outra economia que se destaca é a agropecuária que hoje passa ter responsabilidade na economia local, pois alguns fatores como o clima , solo, estrutura fundiária , diversidade de culturas, geram empregos e renda ao Município de Cotriguaçú

Separamos alguns produtos para você