Aproveite o frete grátis

Botas Texanas em Laguna / Santa Catarina

Botas Texanas em Laguna / Santa Catarina

Buscando botas texanas femininas e masculinas em Laguna - Santa Catarina?

Acabou de encontrar! Aooo brutos e brutas de Laguna!



Nós da 7MBoots sabemos que Laguna - Santa Catarina  é repleta de gente bonita e alegre, eventos sertanejos, e por isso, gostaríamos de oferecer a vocês aquela dica de amigo do peito.

Vocês sabiam que um calçado confortável pode diminuir o estresse corporal, agregar bem-estar e até mesmo, melhorar o seu humor?

Pois é, ter comodidade nos pés faz toda a diferença. E quando todo o conforto se une com beleza, design e elegância indescritível?

Não é maravilhoso? Com as texanas da 7MBoots, isso é possível!

Quem já conhece nossos produtos sabe de toda a qualidade e durabilidade de cada um deles, e quem não conhece, precisa conhecer, afinal, só a 7MBoots oferece uma variedade incrível de botas texanas masculinas, femininas e infantis que agradam a todos os gostos e não decepcionam nos quesitos resistência e durabilidade.

No site da 7MBoots, você cowboy ou cowgirl, encontra botas texanas de bico quadrado, de bico redondo, além de modelos escamados, fabricados a partir de couro réplica de avestruz, com aplicações de bandeiras de países e muito mais!

Todos os nossos pares são fabricados em couro legítimo de maneira artesanal, para garantir a vocês a sensação de um calce perfeito, que proporciona flexibilidade única e bem-estar incomparável.

Corra já para o site e garanta a sua bota texana 7MBoots!

Nós garantimos uma entrega rápida e segura em Laguna, e em casos de trocas, não há motivos para preocupação, afinal, o nosso procedimento é bastante simples.

Escolha já a sua texana, e receba, na comodidade do seu lar, a sua mais nova companheira de aventuras.


Conheça um pouco mais sobre  Laguna Santa Catarina:

Gentílico: lagunense

Histórico

LAGUNA SANTA CATARINA Monografia - n.º 053 Ano: 1956
ASPECTOS HISTÓRICOS
SOBRE a data da fundação de Santo Antônio dos Anjos de Laguna - mais tarde, apenas Laguna - existe divergência de opiniões. Teria sido seu primeiro Povoador o paulista Domingos de Brito Peixoto, no correr do século XVII.
Houve duas tentativas para fundar a cidade. A primeira foi uma expedição marítima que não chegou a bom termo; impelida para o norte por fortes ventos, soçobrou à altura do Espírito Santo, perdendo-se a tripulação. Brito Peixoto, no entanto, organizou dois novos grupos: um seguiu por terra e outro por mar. Quatro meses depois atingiram o ponto almejado. O primeiro cuidado do desbravador foi a edificação de um templo dedicado a Sto. Antônio dos Anjos, cuja imagem teria sido encontrada na praia.
A população cresceu com a imigração proveniente da ilha de Santa Catarina e com os resultados das explorações feitas por Domingos Peixoto e seus dois filhos, os quais descobriram as campinas do rio Grande, aí introduzindo gado que arrebanharam das costas do rio da Prata.
Em 1714, o governador do Rio de Janeiro, D. Francisco de Távora, pretendendo dar maior expansão aos trabalhos no sul e prevendo a possibilidade de novas campanhas, elevou a povoação a Município. A instalação da vila verificou-se a 20 de janeiro de 1720.
Por essa época, começaram as primeiras expedições para o sul, em demanda do Rio Grande de São Pedro. Especialmente com a chegada de portugueses e paulistas, Laguna foi adquirindo importância, para isso contribuindo também a descoberta de novos caminhos para os campos sulinos.
Durante a Guerra dos Farrapos (1839) o Município foi invadido pelas tropas revolucionárias, sob
o comando de Jerônimo de Castilho. Canabarro, um dos chefes da revolução vitoriosa, oficia à Câmara, lembrando a necessidade de ser proclamada a independência de Santa Catarina. Pelo Decreto n.º 2, de 10 de setembro de 1839, foi Laguna elevada à categoria de cidade. Vencida a revolução, porém, e tornados sem efeito seus atos, foi Laguna reconduzida à mesma categoria, em 15 de abril de 1847.
Formação administrativa

A COMARCA foi criada pela Lei provincial n.º 411, de 17 de abril de 1856, sob a denominação de Santo

Antônio dos Anjos. De acordo com o Decreto-lei n.º 431, de 19 de março de 1940, é comarca de 3.ª

entrância, pertencendo à 10.ª circunscrição Judiciária, e abrangendo ainda o Município de Imaruí.


Segundo a divisão administrativa do país, vigente em 1.º de julho de 1955, o Município de Laguna é formado de 5 distritos: Laguna, Henrique Laje, Mirim, Pescaria Brava e Ribeirão Pequeno.

Separamos alguns produtos para você